A arte da barbearia

    Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
     

    Impulsionada pela onda retrô, as barbearias deixaram de ser apenas um lugar simples em que os profissionais se limitavam a fazer barba, cabelo e bigode e passaram a ser ponto de encontro. As novas barbearias realçam o conceito dos antigos locais destinados aos homens, e para isso, contam com um repertório variado como, transmissão de jogos ao vivo, mesas de sinuca e até bares.

    Que os homens têm participado cada vez mais do mercado consumidor de beleza não é novidade. Se preocupam em cuidar da sua aparência e essa tendência na área de beleza e bem-estar é crescente.

    Quando se fala no âmbito profissional, não poderia ser diferente. Como consequência dessa valorização da estética masculina, as barbearias voltam à ativa e se tornaram uma nova tendência de negócio.

    Mas o interesse pela profissão não é à toa. Por ser um serviço tradicional, as barbearias possuem alta demanda, que somadas à um serviço de boa qualidade, são a chave para um bom faturamento. Servir uma água, ter um ambiente adequado e bater um bom papo, podem ser garantias de fidelização do cliente e um alto faturamento.

    Um bom curso de barbeiro vai além de entender as técnicas. Ele desperta no aluno principalmente as competências de cortes masculinos, mas também deve preparar o profissional de modo que ele aprenda informações sobre o mercado, excelência em atendimento ao cliente e como montar sua própria barbearia.

    Um  profissional antenado e disposto a aprender novas técnicas de corte, pinturas, hidratação e reparos em geral, estará melhor preparado para atender às expectativas dos seus clientes.

    O homem tem mostrado maior interesse no lado vaidoso, e isso faz com que ele procure por profissionais que atendam às suas necessidades. Por isso qualificar-se e estar atento às novidades do mercado, é fundamental para a alma do negócio.